Buscar
  • Prof. Dr. César Steffen

Como estudar via EAD?

Não somente os professores, mas os alunos, mesmo os mais acostumados com a tecnologia, podem ter dificuldade com os estudos a distância. Vamos colocar dicas de como ter melhor aproveitamento na EAD.




Os tempos de pandemia, de quarentena, das pessoas em casa e de isolamento social imposto como medida preventiva, gerou um profundo impacto que está sendo sentido por todos.


Lojas com cortinas abaixadas, voos cancelados, ônibus com viagens limitadas, restaurantes e lancherias com as cadeiras sobre a mesas, escolas, faculdades e universidades fechadas, alunos e professores interagindo pelos ambientes EAD.


Mas nem todos estavam prontos para esse guinada, que de uma hora para outro, de um dia para outros, obrigou ao aprendizado e ao contato com novos formas de educar, de estudar.


E estudar pelo EAD não é somente estar no ambiente, assistir as vídeo-aulas e fazer as atividades. Exige do aluno um trabalho, organização, foco, e atividades além, que podem ser facilitadas seguindo as dicas que vamos colocar agora. Vamos lá:


1. Tenha Disciplina - estabeleça uma agenda, um horário ou horários do dia exclusivos para o estudo, e siga a risca ao máximo. Se for preciso, coloque lembretes na agenda do celular, e programa para que ele fique no silencioso neste período.


2. Estabeleça foco - este momento desligue das demais atividades, como redes sociais, vídeos, etc. Mesmo que seja por meia hora de cada vez, foque nos estudos, pois não é somente a quantidade de tempo, mas a qualidade de atenção investida no estudo, que trará os resultados.


3. Organize-se - tenha seus materiais, como livros, cadernos, tablet, celular ou notebook, canetas, calculadora, e tudo o mais que precisar, em um mesmo lugar e o mais a mão possível


4. Faça uma pauta - e nesta pauta organize as atividades em ordem de prioridade, de importância, ou mesmo de dificuldade. Comede, de preferência, pelos temas e assuntos ou matérias que têm mais dificuldade ou menos facilidade, pois com a cabeça mais descansada o aprendizado tende a ser melhor.


5. Tenha parcerias e apoios - Turmas e pessoas que se ajudam nos estudos tendem a aprender mais, melhor e mais rápido. Mesmo a distância, a ajuda dos professores e dos colegas pode ser fundamental. Faça um grupo no Whatsapp, no Facebook, por e-mail … da forma que for mais agradável e de fácil acesso para que possa trocar suas dúvidas e conhecimentos, ajudando e sendo ajudado.


6. Respeite seu tempo - ninguém consegue e nem é obrigado a ser bom ou gostar de todas as matérias e assuntos. Mas também não dá pra ignorar o que não se gosta. Então, observa sua dificuldades e facilidades, e respeite seu tempo de aprendizado e amadurecimento naquela assunto, sem pressa nem ansiedade.


7. Assuma riscos - em um momento em que você está a distância, pode se sentir a vontade para experimentar formas diferentes de estudar, seja buscando outras fontes, recorrendo ao YouTube, a canais de perguntas, a aplicativos e blogs … vá em busca do conhecimento da sua forma, mas lembre que a aula na EAD tem formatos esperados.


8. Tenha (muita) paciência - o momento é de mudanças, de ajustes, até mesmo de nervosismos. E você não é o único, seus colegas, seus professores, sua família, todos estão enfrentando um momento desconhecido. Respire fundo, relaxe, e siga em frente.


Essas dicas, claro, valem para não somente para este momento de pandemia, mas para todos os estudos que envolvem a EAD, mesmo os híbridos. Então, aproveite, siga estas dicas, e aproveite ao máximo seus estudos.


Prof. César Steffen

EAD sem Mistérios


18 visualizações
 
  • Instagram
  • Facebook

©2020 por EAD Sem Mistérios.